segunda-feira, junho 28, 2010

Maradona



...................................Fonte : Getty Images

Momento do dia de ontem em que Queiroz treinou os Navegadores num campo de Rugby : tudo a postos para a conferência de imprensa a anteceder o Argentina - Mexico. Já sentado e após lançar um olhar periférico pelo batalhão de jornalistas Diego Maradona reconhece Salvatore Bagni, seu antigo companheiro de equipa no Nápoles, nº 10 da Squadr' Azurra em 1986 e actualmente comentador desportivo. Com um sorriso magnífico El Pibe não vai de modas: transpõe o separador vai ter com Bagni abraça-o e beija-o. É normal na Argentina os homens cumprimentarem-se com beijos; não é paneleirice.
Está para nascer o treinador europeu com cojones y corazón para fazer algo parecido.

Depois foi o jogo, com o 1º golo da Argentina, ilegal derivado a Tevez ter rematado encontrando-se o seu corpo mortal e respectiva compleição física indiscutivelmente fora de jogo, o habitual show de Messi a provocar enxaquecas sucessivas aos mexicanos, os estoiros de Salcido, o golo raivoso do Mexico marcado por Chicharito Hernandez e aquele golo da Argentina, um verdadeiro petardo dos antigos disparado por Tevez do meio do nada e a entrar em chamas na barraca de Oscar Perez.

A vitória da Holanda hoje por 3-1 contra a Eslováquia confirma a final que se aproxima: Argentina x Holanda.

Para amanhã espera-se céu limpo com alguma pluviosidade inesperada intercalada por brisas amenas e trovoada. Ainda bem que não estou de férias em Isla Cristina. Nem no Algarve.

Sem comentários:

 
Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!