quinta-feira, setembro 02, 2004

Portugal a saque

Mais um Verão que quase acaba e com ele arderam milhares de hectares de floresta em Portugal. Floresta que a república considera como "Reserva".
Muitos exemplares de fauna ibérica em vias de extinção, que a república designa como "protegida", foram exterminados.
Quando recomeçar o ano legislativo, designação pomposa que se refere à actividade desenvolvida pelo colectivo de incultos e intelectualmente impreparados que periódicamente se entretêm a aplaudir ou a apupar as ideias que uns e outros vão discorrendo, entre bocejos, sestas e manifestações aerofágicas de descrição questionável, todos concluirão que o que se fez em termos de prevenção e combate ao flagelo incendiário foi insuficiente.

O Eng. Sidónio Pardal dá a cara pelo inadmissívell : o imperativo, diz ele, da descentralização da RAN e da REN.

A sua ordenação gestão e re-ordenamento terá que passar para as mãos dos autarcas.
Os mesmos a quem Jorge Coelho tão encarecidamente se referiu na passada 4ª feira pelo tanto que desde sempre fizeram pelo PS e que o PS tanto lhes deve.
Os mesmos que apoiaram "incondicionalmente" Santana Lopes após a deserção de Barroso.
Aqui ao lado, na Andaluzia, a área ardida em 5 anos chega a ser inferior ao que ardeu em Portugal em 24 h....

Sem comentários:

 
Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!