terça-feira, julho 19, 2005

E vão cinco

Nunca percebi a equivalência entre six feet under e sete palmos de terra.
Talvez por isso nunca tenha sido fã da série que acabou ontem.
Nos episódios que fui vendo, não pude deixar de reparar numa coisa : é que não se aproveitava ninguém.
...............................................******....................................................................
A reforma da lei do arrendamento é uma treta. Alguém imagina ser possível que a renda de um T2 comprado há cinco anos por trinta mil contos e avaliado pelas Finanças em quinze mil contos seja de cinquenta contos por mês? Pois...habituem-se.

...............................................******....................................................................
O Presidente da república julga que se se unir aos restantes portugueses, todos juntos conseguirão fazer coisas belas por Portugal. Por favor, não o acordem.

...............................................******...........

Eduardo Prado Coelho é o 17º na lista de Carrilho à CML.
Não tem hipótese.

...............................................******...........

Autofagia republicana militante - Processo opinativo de cariz verborreico / incontinente dirigido a próprio ou ao seu semelhante. Exemplo: A recente troca de galhardetes entre VPV e António Barreto a propósito das elites.



2 comentários:

sofia disse...

Qual delas a melhor... :)))

Luís Bonifácio disse...

A tradução de "six feet under" revela um tradutor com elevado nível cultural.

Six feet under significa 182 cm debaixo (de terra) (1 pé - 30.48 cm)
Apesar de actualmente 1 Palmo (Span) ser 22.86 cm. No livro de Ezequiel um palmo era 26 cm.
26 X 7 = 182 cm.

Como a série tratava de enterros, a tradução é muito melhor que 7.96 palmos de terra, caso fosse literal.

 
Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!