segunda-feira, setembro 12, 2005

Bolha especulativa

De visita a Portugal, SAR o Principe Khalid Al-Faisal bin Abdul Aziz Al-Saud da Arábia Saudita, país que é só e apenas o primeiro produtor mundial de petróleo, afirmou que não há razão, em termos de produção, para o petróleo estar acima dos 40 dólares por barril.
A única razão para isso acontecer, segundo o príncipe, é a escassez de refinarias, nomeadamente norte americanas.
Ou seja, as mesmas refinarias que, há dois anos, processavam
x crude a 30 dólares o barril fazem-no agora a mais do dobro do preço.
Alguém está a ganhar uma pipa de massa com isto.




7 comentários:

Anónimo disse...

Hi there! Nice post. I appreciate the time you took to post about timely topics. How long have you been blogging? Glad I found your site.

I blog about something totally unrelated, but it puts bread on the table. direct sales.

Again, thanks for the nice blog. I am sipping my latte at Calistoga enjoying their free WiFi and catching up on reading blogs. Dave Jackson, Naples, FL

Anónimo disse...

Afonso...eres mas anti-americano que Zapatero...¡Qué ya es decir!

Afonso Henriques disse...

O vosso problema, cumpadres, é não saberem ler português.
Estes castelhudos...tsc..tsc...tsc

Anónimo disse...

Afonso...¿Tan ambiguo como SG Buiça?

Talk Talk disse...

Atenção Anonimo que D. Afonso está habituado a lidar com a malta de Castela.

Anónimo disse...

Comisario Europeo Joaquin Almunia Amann = Anti-Portugues.

Anónimo disse...

...anti-Português...
Só agora é que repararam?

 
Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!