sábado, julho 05, 2008

O síndroma do Outão

Quando Sócrates era ministro do Ambiente, aflito com as queixas de muita gente que via na cimenteira do Outão inserida em pleno parque natural da serra da Arrábida um cancro exposto que devorava, inexorável, o parque, a serra e arredores, em três tempos resolveu o problema: desafectou, por decreto, a cimenteira do Outão do parque natural da serra da Arrábida.
Os péssimos resultados apresentados anualmente pelos estudantes nos exames de matemática fizeram com que o governo da república tomasse medidas. Rápidas, de preferência. Nada que se compadecesse com a revisão dum método inteiro de ensino nem com reformas profundas que o tempo é curto e as eleições são já ao virar da esquina. No ano seguinte os resultados são espantosos. A percentagem de reprovações baixou drásticamente. Nada se deve, no entanto, a uma melhoria significativa no aproveitamento dos alunos. Antes a uma simplificação drástica dos exames.
Atente-se, por exemplo, neste "problema" posto em exame a alunos do 9º ano (antigo 5º ano):
Quantas filas de cadeiras tem uma sala sabendo que na primeira fila existem 23 cadeiras, na segunda menos três que na primeira, na terceira menos três que na segunda e assim sucessivamente e que a última fila tem oito cadeiras?

Sem comentários:

 
Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!